Ambev anuncia a Lula investimento de R$ 5 bi em 5 anos

O presidente do conselho administrativo da Ambev, Vitório de Marchi, anunciou hoje ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva que a empresa fará investimentos de R$ 5 bilhões nos próximos 5 anos na modernização e ampliação de fábricas já existentes. Segundo De Marchi, metade das 50 fábricas espalhadas pelo País deve passar por ampliação, já que o mercado de refrigerantes e cervejas "está muito aquecido e exigindo novos investimentos". De acordo com o dirigente, a ampliação das fábricas irá gerar 5 mil empregos diretos e indiretos. Desse total, serão criados mil empregos diretos, informou. Segundo De Marchi, a prioridade para a aplicação destes investimentos serão o Nordeste e o Centro-Oeste, onde o mercado cresceu muito. Parte deste dinheiro, disse ele, também será aplicado no Sudeste. Vitório de Marchi disse que o presidente ficou muito entusiasmado com a notícia que teria classificado de "excelente", conforme seu relato. De acordo com suas informações, em 2006 o setor de refrigerantes e cervejas cresceu 8%. A sua expectativa é de que este ano o crescimento se mantenha nos mesmos níveis. Vitório de Marchi afirmou ainda que desde a fusão das cervejarias Brahma e Antártica este é o maior investimento que a Ambev faz no País.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.