Anatel é favorável à compra da Way Brasil pela Telemar, diz Costa

O ministro das Comunicações, Hélio Costa, disse hoje que a área técnica da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) é favorável à compra da empresa mineira de TV a cabo Way Brasil pela Telemar. "O relatório da Superintendência (de Comunicação de Massa) está tecnicamente dizendo que é possível, é viável e não há conflito", disse o ministro.A TNL PCS, que controla a Telemar, comprou a Way Brasil, em junho, por R$ 132 milhões. A operação, no entanto, depende ainda de aprovação do Conselho Diretor da Anatel, que se baseia nos relatórios técnicos apresentados pelas superintendências.O ministro disse que não é a Telemar que está comprando a Way Brasil, e sim uma empresa que tem como acionista os mesmos acionistas da Telemar. "O mesmo dono de ações da Telemar é o dono de ações da empresa que está comprando a Way Telemar. Isso não é interpretado como conflito."Hélio Costa avalia que é boa para o consumidor a dinâmica do mercado em que uma empresa de telefonia compra uma de TV a cabo, como ontem, quando foi oficializada a aquisição da TVA pela Telefônica. "Não havendo nenhum conflito com a Lei Geral de Telecomunicações, acho que é bom para as empresas, que estão vendendo e comprando. E, evidentemente, resulta em melhores serviços para o usuário", disse o ministro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.