Anbid proíbe Global Invest de usar selo por 90 dias

A Associação Nacional dos Bancos de Investimento (Anbid) proibiu a Global Invest Asset Management de usar o selo do código auto-regulação de fundos de investimento da entidade por um período de 90 dias. O selo da Anbid é impresso na capa, contracapa ou na primeira página dos prospectos, e tem o objetivo de mostrar que os fundos foram elaborados em conformidade com os termos da auto-regulação. A decisão teve como base o artigo sexto do regulamento, que estabelece, entre outros pontos, que as instituições participantes devem "evitar práticas que possam vir a prejudicar a indústria de fundos de investimento e seus participantes". A punição foi definida conforme o artigo 48 do mesmo código. Entre outras penalidades previstas às instituições que infringirem as regras estão desde advertência reservada até o desligamento dos quadros da Anbid. Os portfólios da Global Invest sofreram fortes perdas durante a turbulência dos mercados no mês de maio. Na ocasião, a Anbid notificou 80 fundos que deixaram de divulgar a atualização diária de cotas ou registraram perdas consideradas incompatíveis com a política de gestão das carteiras durante a turbulência nos mercados no mês passado. A decisão foi tomada pelo conselho de auto-regulação no último dia 13 de setembro, mas foi tornada pública apenas hoje. Nenhum dos sócios da instituição foi encontrado para comentar o fato. A Anbid ainda não se manifestou sobre o assunto.

Agencia Estado,

28 de setembro de 2006 | 12h50

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.