Aneel autoriza reajuste de 13,44% nas tarifas da Bandeirante

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou hoje a distribuidora Bandeirante Energia a promover um reajuste médio de 13,44% nas suas tarifas. Para os consumidores residenciais, que usam energia em baixa tensão, o reajuste será de 13,18%; os consumidores industriais, que recebem energia em alta tensão, pagarão, em média, 17,81% a mais.As novas tarifas da Bandeirante começam a vigorar na próxima segunda-feira (23). A distribuidora fornece energia para 1,3 milhão de unidades de consumo em 28 municípios do Estado de São Paulo, principalmente nas regiões do Alto Tietê, Vale do Paraíba e litoral norte do Estado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.