Apple começa a vender novos iPhones na China em 17/10

Apple começa a vender novos iPhones na China em 17/10

A empresa garantiu a aprovação de reguladores que avaliaram os recursos de segurança dos aparelhos

Estadão Conteúdo

30 de setembro de 2014 | 09h54

A Apple vai começar a vender os novos modelos de seu smartphone - o iPhone 6 e o iPhone 6 Plus - na China a partir de 17 de outubro, após garantir a aprovação de reguladores que avaliaram os recursos de segurança dos aparelhos em meio a preocupações sobre privacidade em Pequim.

Com a decisão, os smartphones vão chegar à China cerca de um mês após as vendas terem começado nos EUA e em outros países.

O Ministério da Indústria e da Tecnologia da Informação do país emitiu a autorização após a Apple ter lidado com riscos de privacidade identificados em um teste de segurança feito por uma agência local. A preocupação de Pequim tinha relação com software que poderia ser usado por terceiros para ganhar acesso aos dados de usuários.

Segundo a Apple, os novos iPhones estarão disponíveis nas três maiores operadoras móveis estatais da China. As pré-encomendas vão começar no próximo dia 10.

No segundo trimestre, a Apple ocupava a segunda posição no mercado global de smartphones após a Samsung, com participação de 11,7%, ante 13% um ano antes, segundo a empresa de pesquisa de mercado IDC. A chinesa Huawei estava em terceiro lugar, com sua fatia avançando de 5,1% para 6,7% na mesma comparação. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
ChinaAppleiPhonevenda

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.