Arcelor Mittal prevê produção de até 200 milhões de toneladas até 2015

A Arcelor Mittal prevê que sua produção de aço deverá atingir entre 150 milhões e 200 milhões de toneladas até 2015. O anúncio foi feito hoje, no evento "dia do investidor", o primeiro desse tipo promovido pelo grupo após a fusão.Em sua apresentação, o presidente da siderúrgica, Lakshimi Mittal, disse esperar que o consumo mundial de aço aumente entre 3% e 5% por ano durante a próxima década. Para o diretor de pesquisa da CRU Analysis, Paul Scott, essa previsão é realista e razoável. Ele estima um crescimento do consumo de 4,4% até 2016.Os executivos da companhia não comentaram algumas questões delicadas relacionadas à integração das duas empresas, como o destino da subsidiária canadense Dofasco. A Mittal havia prometido vender a Dofasco à alemã ThyssenKrupp caso a fusão com a Arcelor fosse bem-sucedida. A Arcelor, que havia adquirido a Dofasco em janeiro, colocou a empresa sob uma obscura holding holandesa como parte de sua estratégia de defesa contra a oferta da Mittal.A Mittal afirmou que está trabalhando agora para desfazer essa holding, mas não está claro quando e como isso será possível. O grupo também terá de atender à exigência da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) brasileira de fazer uma oferta de compra pelas ações da Arcelor Brasil, e disse que está examinando o caso. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.