Arcelor planeja comprar 38% de uma siderúrgica chinesa

A Arcelor informou que ainda espera comprar uma fatia significativa na chinesa Laiwu Steel Corp. Em entrevista coletiva, o principal executivo de finanças da siderúrgica, Gonzalo Urquijo, disse que vai entrar em discussões com o governo chinês para tentar convencer as autoridades de que a companhia luxemburguesa pode ajudar a desenvolver o setor siderúrgico do país. "Vamos envolver o governo chinês em um diálogo", disse Urquijo. O acionista controlador da Laiwu, a Laiwu Steel Group, assinou no início deste ano um acordo com a Arcelor para vender uma fatia de 38,41% em sua unidade listada em bolsa. A decisão foi aprovada pelos minoritários, mas o governo chinês precisa ainda dar a autorização final. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.