Ata do Copom pode definir rumo dos mercados

São Paulo, 8 de setembro - O mercado operou durante toda a semana aguardando a divulgação da ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), que será divulgada hoje. Naquela reunião, o Copom reduziu a taxa Selic em meio ponto porcentual, para 14,25% ao ano. Como na ata anterior o comitê havia afirmado que passaria a agir com mais parcimônia, o mercado previa redução de apenas 0,25 ponto porcentual na taxa. Essa discrepância entre o comunicado e o realizado deve ser explicada na ata de hoje, espera o mercado. Nos Estados Unidos, estão programados dois discursos de presidentes do Federal Reserve (banco central norte-americano). Os dois serão sobre os temas que mais preocupam o mercado financeiro atualmente: inflação, perspectivas da economia dos EUA e política monetária. Por isso, os discursos também têm o potencial de influenciar os movimentos nas bolsas de valores. BC/Ata do Copom - O Banco Central divulga às 8h30 a ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), quando a taxa básica de juros da economia (Selic) foi reduzida em meio ponto, para 14,25% ao ano, surpreendendo o mercado, que esperava redução de apenas 0,25 ponto porcentual. FGV/IPC-S - A Fundação Getúlio Vargas (FGV) divulga às 8 horas o Índice de Preços ao Consumidor - Semanal (IPC-S) da semana encerrada em 1º de setembro. As expectativas do mercado são de inflação de 0,12%, ante alta nos preços de 0,21% no período anterior. IBGE/Agricultura - O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulga às 9h30 o levantamento sistemático da produção agrícola de agosto. EUA/Discursos - A presidente do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA) de Cleveland, Sandra Pianalto, fala sobre inflação, expectativas de inflação e política monetária às 11 horas (horário de Brasília), durante evento em Oak Brook (Illinois). A presidente do Fed de San Francisco, Janet Yellen, fala sobre as perspectivas da economia norte-americana e a política monetária às 15h45 (de Brasília), durante evento em Boise (Idaho). EUA/Crédito - O Federal Reserve (banco central dos EUA) divulga os dados do crédito ao consumidor em julho às 16 horas (de Brasília). Em junho, houve expansão de US$ 10,3 bilhões.

Agencia Estado,

08 de setembro de 2006 | 07h00

Tudo o que sabemos sobre:
agenda

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.