Bancos e imobiliárias puxam alta de 0,5% em Tóquio

A Bolsa de Tóquio fechou em alta pelo segundo dia seguido, liderada pelos setores financeiro e imobiliário. O índice Nikkei 225 subiu 0,5%, encerrando aos 16.024,85 pontos, na primeira vez em que ultrapassou os 16 mil pontos desde 8 de setembro. De acordo com os operadores, o forte desempenho desses setores, altamente sensíveis à demanda doméstica, é um reflexo tardio dos ganhos obtidos pelas ações das empresas de tecnologia ao longo deste mês. Eles prevêem que os papéis de bancos e companhias imobiliárias devem continuar a subir nas próximas sessões, alcançando a valorização das ações de empresas de tecnologia e das montadoras de automóveis. Entre as ações do setor financeiro, Resona Holdings avançou 1,4%. A companhia de crédito ao consumidor Acom teve alta de 6,2%, impulsionada pela elevação de suas ações para ?neutra? no portfolio do JP Morgan. No setor imobiliário, Mitsubishi Estate subiu 2,4%. Os papéis do setor de tecnologia, porém, sucumbiram à realização de lucros. Advantest perdeu 2%. As informações são da Dow Jones.

Agencia Estado,

28 de setembro de 2006 | 06h37

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.