BC mudará cálculo da Ptax a partir de julho de 2011

O diretor de Política Monetária do Banco Central, Aldo Luiz Mendes, informou no final da tarde que a instituição decidiu mudar o critério de cálculo da Ptax, que é a média das cotações de compra das taxas de câmbio praticadas no mercado interbancário ao longo do dia e divulgada diariamente por volta das 17h30.

FERNANDO NAKAGAWA E CÉLIA FROUFE, Agencia Estado

23 de setembro de 2010 | 18h08

Segundo Mendes, o BC divulgou hoje uma circular explicando o cronograma de implantação e estabelecendo a nova metodologia de cálculo da taxa. O início da fase de homologação (testes) do novo critério será em 21 de janeiro de 2011 e a substituição da metodologia anterior ocorrerá em 1º de julho do próximo ano.

De acordo com o BC, o cálculo da Ptax se dará por meio de quatro consultas diárias às instituições credenciadas como dealers de câmbio. Os resultados de cada consulta serão definidos pela média das respectivas cotações, excluídos os dois maiores e os dois menores valores informados. A taxa Ptax será dada pela média aritmética simples das quatro consultas e será divulgada por volta das 13 horas.

"Com a nova metodologia de apuração da taxa Ptax, o Banco Central procura modernizar o mercado de câmbio brasileiro pela implantação de uma sistemática de cálculo mais representativa da situação do mercado de divulgada com maior tempestividade", traz o resumo da nota à imprensa do BC.

Tudo o que sabemos sobre:
câmbioPtaxcálculoBC

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.