BM&FBovespa recebe rating A1 da Moody's

Segundo a classificação da Moody's, o rating A1 corresponde a grau de investimento

Danielle Chaves, da Agência Estado,

27 de maio de 2010 | 10h32

A agência de classificação de risco Moody's Investors Service atribuiu rating de emissor em moeda local A1 em escala global e Aaa.br em escala nacional brasileira para a BM&FBovespa, com perspectiva estável. Segundo a classificação da Moody's, o rating A1 corresponde a grau e investimento.

 

Em comunicado, a Moody's informa que o rating reflete "o poder de mercado efetivo da BM&FBovespa como a única bolsa no mercado de ações e derivativos no Brasil". Também ressalta que "atualmente, na ausência de relevante concorrência, a BM&FBovespa detém significativo poder de precificação de ativos que, juntamente com a alta alavancagem operacional do seu modelo de negócios, implica forte geração de caixa e altas margens", afirmou a agência.

 

A Moody's destacou, porém, alguns desafios que a bolsa de valores brasileira enfrenta. Entre eles estão a administração de riscos nas quatro câmaras de compensação (ações, derivativos, títulos do governo, e câmbio); a elevada dependência de tecnologia, que exige contínuos investimentos; e as ameaças competitivas que poderiam prejudicar a participação de mercado e o poder de precificação da empresa.

Tudo o que sabemos sobre:
BM&FBovespaMoody'srating

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.