BNDES aprova R$ 112,2 milhões para estaleiro Aker Promar

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) informou hoje, em comunicado, a aprovação de financiamento de US$ 112,2 milhões para o estaleiro Aker Promar. Os recursos serão usados para a construção de duas embarcações de apoio marítimo às atividades de produção de petróleo."As encomendas foram feitas pelas empresas Geo do Brasil Navegação e Pesquisa Ltda e Dofcon do Brasil Navegação Ltda, empresas do Grupo DOF norueguês. O investimento total das companhias será de US$ 165,6 milhões", detalhou o banco, no comunicado.De acordo com o informe do banco de fomento, as obras vão envolver em torno de 400 empregados em cada uma das embarcações, em Niterói, onde está localizado o Aker Promar, além de empregos indiretos gerados na prestação de serviços e fornecimento de materiais e equipamentos ao longo da fase de construção.Esse apoio do BNDES será feito com recursos do Fundo de Marinha Mercante (FMM), que permite financiamento de até 90% do valor da construção. O BNDES esclareceu que sua carteira, no âmbito do FMM, soma 56 projetos, que demandarão financiamento de R$ 13,4 bilhões e investimentos totais de R$ 16,8 bilhões. O estaleiro Aker Promar foi constituído em 1996 e é controlado pela norueguesa Aker Yards, "com experiência e tradição no setor de construção de embarcações offshore", de acordo com avaliação do banco.

Agencia Estado,

19 de setembro de 2006 | 13h15

Tudo o que sabemos sobre:
empresas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.