Bolsa de Caracas recua em dia de retorno da CANTV

O mercado de ações venezuelano oscila em leve baixa no início do pregão de hoje, dia definido pelas autoridades para a retomada das negociações das ações das principais companhias de energia elétrica e telecomunicações. As ações da CA Nacional Telefonos de Venezuela (CANTV) e da Electricidad de Caracas (EDC) voltaram a ser negociadas depois de dois dias de suspensão, determinada em reação às pesadas perdas sofridas pelos dois ativos depois do presidente Hugo Chávez ter anunciado os planos para nacionalizar ambas as empresas. Por volta das 14h45 (de Brasília), o índice Geral, da Bolsa de Caracas, estava a 52.307,38 pontos, queda de 1,95%, indicando um persistente desconforto do investidor em relação aos planos de nacionalização de Chávez. As ações da CANTV subiam 5,6% logo depois da retomada das transações, enquanto as da EDC recuavam 6,12%. Os compradores mostram alguma confiança em algumas ações, mas esta confiança ainda é baixa. "Eu não gosto. Há pouco volume", disse o operador Richard la Rosa, da corretora local Activalores. "Não há grandes compradores tentando levar o mercado para cima", acrescentou. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.