Bolsa de Hong Kong fecha com recuo de 0,05%

As bolsas asiáticas tiveram nesta sexta-feira um dia de consolidação de posições e realização de lucros, após os ganhos expressivos registrados ontem. Em Hong Kong, o índice Hang Seng fechou praticamente estável, com queda de 0,05%. Na China, o índice Xangai Composto avançou 0,6% e o Shenzhen Composto subiu 0,7%. A alta foi liderada pelos bancos. Segundo analistas, a recente valorização do yuan beneficiou o setor, que tem muitos ativos denominados na moeda chinesa. No sistema automático de preços, a cotação da moeda teve nova alta, com o dólar fechando a 7,9855 yuans, contra 7,9926 ontem. A bolsa de Taiwan apresentou um recuou de 0,4% no índice Taiwan Weighted, influenciada pelo declínio de ontem em Nova York. As ações da Taiwan Semiconductor Manufacturing caíram 2,3%. Nanya Technology subiu 1,4%. No mercado filipino, o índice PSE Composto declinou 0,3%, com realizações de lucros. A Philippine Long Distance Telephone Co. perdeu 0,8%. Os investidores aguardam o discurso sobre o estado da nação, que a presidenta Gloria Arroyo fará segunda-feira. O índice S&P/ASX 200 da bolsa australiana teve queda de 0,7%, acompanhando a tendência de ontem em Nova York. As ações da BHP Billiton fecharam com perda de 2,2%. Na bolsa da Coréia do Sul, o índice Kospi fechou com recuo de 0,2%. Ganhos de diversas ações de primeira linha e de companhias agrícolas fizeram o índice composto da bolsa de Kuala Lumpur (Malásia) fechar em alta de 0,9%(As informações são da Dow Jones)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.