Bolsa de Hong Kong sobe 0,87% com inflação dos EUA

O índice Hang Seng da Bolsa de Hong Kong registrou elevação de 0,87% nesta segunda-feira, puxado pelas ações do setor imobiliário. O principal motivo foi a divulgação da inflação de agosto nos EUA, que ficou em apenas 0,2% e alimentou a expectativa de que as taxas de juros norte-americanas permaneçam inalteradas após a reunião do Fed, na próxima quarta-feira. A Bolsa de Taipé, em Taiwan, encerrou o pregão no nível mais alto em mais de três meses. O índice Taiwan Weighted subiu 3%. As manifestações realizadas no fim de semana pelos apoiadores e pelos opositores do presidente Chen Shui-bian foram pacíficas, o que trouxe alívio à Bolsa. Muitos investidores estavam fora do mercado, à espera do embate entre os dois grupos. Os organizadores dos protestos contra o governo também suspenderam os planos de greves e outras manifestações de grande escala. O pregão da Bolsa de Xangai, na China, foi impulsionado pelas ações de empresas ligadas aos Jogos Olímpicos de Pequim. As cotações desses papéis subiram após a mídia oficial divulgar que estão bem avançadas as obras do Estádio Nacional, principal local dos Jogos de 2008. O Xangai Composto subiu 0,7%,e o Shenzhen Composto obteve um ganho de 1,7%. Alguns analistas observaram, porém, que os negócios com as ações relacionadas às Olimpíadas são muito especulativos, uma vez que ainda não estão claros os benefícios que as empresas terão com os Jogos. Também serviu de estímulo o boato sobre uma possível fusão entre os mercados ?A? e ?B? da Bolsa de Xangai. O primeiro reúne as ações denominadas em yuan e o segundo, as ações denominadas em moeda estrangeira. O yuan teve uma leve desvalorização frente ao dólar e, no sistema automático de preços, a moeda norte-americana fechou a 7,9450 yuans, contra 7,9555 yuans na sexta-feira. O mercado de câmbio tornou-se volátil com os rumores de que o banco central chinês pode ampliar a banda cambial. Na Austrália, a Bolsa de Sydney fechou em alta, com destaque para a blue chip BHP Billiton. O índice S&P/ASX 200 ganhou 0,7%. As ações da mineradora avançaram 0,8%. No mercado sul-coreano, o resultado do pregão também foi positivo, com o índice Kospi da Bolsa de Seul indicando elevação de 1%. Os ganhos foram liderados pelas empresas de tecnologia. A Bolsa de Manila, nas Filipinas, encerrou os negócios com o índice PSE Composto apontando alta de 2,8% e atingindo seu maior nível de fechamento das últimas 18 semanas. Philippine Long Distance Telephone, a ação mais negociada, subiu 5,5%. Segundo operadores, o mercado teve como principal incentivo a divulgação de que o governo reduziu o déficit orçamentários no período janeiro-agosto. Na Bolsa de Kuala Lumpur (Malásia), o índice composto de 100 blue chips encerrou em alta de 0,68%. Na Bolsa de Cingapura, o índice Strait Times fechou com ganho de 1,19% e, em Jacarta (Indonésia), o JSX Composto fechou com elevação de 0,58%. (As informações são da Dow Jones)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.