Bolsa de Londres atinge nível mais alto em 5 anos

O índice FTSE-100 da Bolsa de Londres atingiu o nível mais alto em cinco anos esta manhã, com a força dos setores de petróleo e mineração mais que compensando a realização de lucro no setor financeiro. O FTSE 100 subiu 20,6 pontos, ou 0,3%, para 6.141 pontos. Londres tinha ficado para trás no recente rali que levou os índices de alguns mercados europeus e asiáticos para as máximas em muitos anos. O Dow Jones também quebrou vários recordes recentemente, enquanto o S&P 500 foi negociado nos maiores níveis em cinco anos. Com seu peso nos setores de petróleo e mineração (a capitalização de mercado da BP e da Royal Dutch Shell respondem por cerca de 20% do FTSE-100), o índice sofreu mais que outros na Europa na recente onda de vendas das commodities. Os preços do petróleo caíram 25% desde os picos de julho. Mas um rali dos preços do petróleo nesta sexta-feira ajudou a empurrar o setor de energia para cima, e a BP (British Petroleum) ganhava 1,8%, enquanto o BG (British Gas) Group estava em alta de 1,6%. No volátil setor de mineração. BHP Billiton subia 1,7% e a Kazakhmys avançava 1,7%. No entanto, o setor financeiro recuava. O banco Barclays estava em queda de 0,4% depois de ter sua recomendação rebaixada pelo HSBC.

Agencia Estado,

13 de outubro de 2006 | 09h15

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.