Bolsa de NY encerra com ganho após notícias de fusão

Os principais índices de ações do mercado norte-americano registraram um forte ganho, com o Dow Jones subindo mais de 100 pontos, impulsionados pelas várias notícias de fusão corporativas, incluindo negociações envolvendo dois grandes bancos europeus. O mercado norte-americano também recebeu suporte do desempenho positivo das bolsas na Ásia e na Europa. "Fomos estimulados pela atividade mais forte das ações no exterior", disse o presidente do Barrington Research, Alexander Paris. "E os anúncios de aquisições ajudaram", acrescentou. As notícias de fusões e aquisições ajudaram a tirar momentaneamente o foco sobre os problemas do mercado de crédito imobiliário a clientes de alto risco (conhecido como subprime) e estimular a atividade na véspera do encontro de política monetária de dois dias do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA), que anuncia sua decisão sobre juro na quarta-feira. Contudo, a sombra do mercado subprime persiste, com as ações da IndyMc Bancorp caindo mais 5% hoje. Na semana passada, o banco informou os investidores que espera um grande aumento na taxa de inadimplência neste ano. Os ADRs (ações estrangeiras negociadas nos EUA) do holandês ABN Amro dispararam 14,13%, enquanto os do britânico Barclays PLC caíram 0,28%, na Bolsa de Nova York. Depois de um dia tenso de negociações, os dois gigantes europeus confirmaram que iniciaram negociações que poderão levar o Barclays a uma aquisição avaliada em mais de US$ 80 bilhões, segundo reportou o Wall Street Journal. Entre as companhias norte-americanas, a Hércules Offshore, do setor petrolífero, concordou em ser adquirida pelo grupo rival Todco, por US$ 2,3 bilhões à vista e em ações. As ações da Todco subiram 19,71%, enquanto as da Hércules Offshore recuaram 4,70%. No segmento de saúde, a Community Health Systems disse estar próxima de concluir a compra da Triad Hospitals por US$ 54,00 por ação, ou cerca de US$ 5,1 bilhões, mais os encargos de uma dívida existente de US$ 1,7 bilhão. As ações da Community Health Systems caíram 5,5% e as da Triad Hospitals subiram 5,3%. As ações da ServiceMaster, que trata de gramados e faz controle de pestes, subiram 12,5% em reação às notícias de que será comprada por um grupo de investidores liderados pela companhia de ativos privados Clayton, Dubilier & Rice, por cerca de US$ 4,8 bilhões. O índice Dow Jones fechou em alta de 115,76 pontos, ou 0,96%, em 12.226,17 pontos. A mínima foi em 12.110,41 pontos e a máxima em 12.234,67 pontos. O Nasdaq subiu 21,75 pontos, ou 0,92% e fechou com 2.394,41 pontos; a mínima foi de 2.381,55 pontos e a máxima foi de 2.399,80 pontos. O Standard & Poor's 500 subiu 15,11 pontos, ou 1,09%, para 1.402,06 pontos. O Nyse Composite fechou em alta de 107,99 pontos, ou 1,20%, para 9.091,00 pontos. O volume negociado na Nyse caiu para 1,46 bilhão de ações, de 2,08 bilhões de ações na sexta-feira; 2.511 ações subiram, 790 caíram e 139 fecharam nos mesmos níveis de sexta-feira. No Nasdaq, o volume caiu para 1,736 bilhão de ações negociadas, de 2,136 bilhões de ações na sexta-feira, com 2.038 ações fechando em alta e 1.017 em queda. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.