Bolsa de NY encerra em alta, com indicadores

O mercado norte-americano de ações voltou a fechar em alta. Foi o quinto pregão de alta nos últimos cinco pregões para os índices Dow Jones, Nasdaq e S&P-500; no caso do S&P-500, os avanços de ontem e hoje compuseram a maior alta em dois dias consecutivos dos últimos sete meses. Das 30 componentes do Dow Jones, 27 fecharam em alta. "Tivemos um 'combo' hoje. O mercado estava chegando a um piso técnico e tivemos indicadores econômicos fracos, especialmente o índice de atividade do ISM. Além disso, tivemos informes decentes de vendas das grandes redes de lojas. Tudo isso sugere que a economia pode estar crescendo, mas não tão aceleradamente que justifique várias elevações adicionais das taxas de juro pelo Fed (Federal Reserve, banco central dos EUA)", comentou o estrategista Jim Paulsen, da Wells Capital Management. Entre as componentes do Dow Jones, o destaque foi AT&T, com alta de 3,26%, depois de elevação de recomendação pela CIBC World Markets. As da Alcoa avançaram 2,68%, depois de a empresa anunciar um acordo preliminar de salários com o sindicato United Steelworkers. No setor de tecnologia, as ações da Rambus subiram 19%, depois da divulgação de e-mails sugerindo que os concorrentes da empresa manipularam preços; isso poderá ajudar a Rambus no processo que ela enfrenta por supostas violações das leis antitruste. As ações da Ciena subiram 4,4%, em reação a seu informe de resultados; as da Novell, porém, caíram 15%, também depois de a empresa divulgar resultados. As da Sun Microsystems caíram 1,7%, depois de a empresa anunciar que vai demitir de 4 mil a 5 mil trabalhadores nos próximos seis meses. No setor de comércio varejista, as ações da JC Penney subiram 6,5%, em reação aseu informe de vendas de maio. O índice Dow Jones fechou em alta de 91,97 pontos (0,82%), em 11.260,28 pontos. A mínima foi em 11.154,14 pontos e a máxima em 11.270,20 pontos. O Nasdaq fechou em alta de 40,98 pontos (1,88%), em 2.219,86 pontos (máxima do dia), com mínima em 2.177,80 pontos. O Standard & Poor's-500 subiu 15,62 pontos (1,23%), para 1.285,71 pontos. O NYSE Composite avançou 81,77 pontos (1,00%), para 8.270,88 pontos. O volume negociado na NYSE ficou em 1,694 bilhão de ações, de 1,991 bilhão ontem; 2.594 ações subiram, 720 caíram e 136 fecharam nos mesmos níveis de ontem. No Nasdaq, o volume ficou em 2,120 bilhões de ações negociadas, de 2,154 bilhões ontem, com 2.235 ações fechando em alta e 798 em queda.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.