Bolsa de NY encerra em queda, à espera do Fed

O mercado norte-americano de ações fechou com os principais índices em baixa. O Dow Jones fechou abaixo dos 11 mil pontos e o Nasdaq e o S&P-500 acumulam agora três semanas consecutivas de quedas. O indicador de encomendas de bens duráveis em maio, divulgado pela manhã, alimentou o nervosismo dos investidores e a incerteza quando à decisão de política monetária que o Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA) deverá tomar na próxima semana. "Ninguém quer assumir posições até a decisão do Fed. O pregão de hoje pode ter sido um momento de calma, antes que as coisas se tornem um pouco mais excitantes", comentou Sam Rahman, da Baring Asset Management. No noticiário sobre empresas, o destaque do dia foi o anúncio das aquisições da Kerr-McGee e da Western Gas Resources pela Anadarko Petroleum, no total de US$ 21,1 bilhões. As ações da Kerr-McGee subiram 36%, as da Western Gas avançaram 46% e as da Anadarco caíram 7,2%. Outras ações do setor de exploração e produção de petróleo subiram em reação à notícia, entre elas Southwestern Energy (+12%), Quicksilver Resources (+8,3%) e Denbury Resources (+8,5%). As ações da produtora de carvão Consol Energy subiram 12%, depois do anúncio de que elas vão substituir a da empresa de mídia Knight-Ridder no índice S&P-500 (em data não anunciada; a Knight-Ridder está para ser comprada pela McClatchy). No setor de tecnologia, as ações da Oracle subiram 4%, em reação a seu informe de resultados. As da Tektronics, que também divulgou resultados, recuaram 7,5%. As da Qualcomm caíram 4,5%, depois de rebaixamento de recomendação pela JP Morgan Securities. Entre as componentes do Dow Jones, as ações da General Motors caíram 1,10%, depois de comentários de analistas do Citigroup. O índice Dow Jones fechou em queda de 30,02 pontos (0,27%), em 10.989,09 pontos. A mínima foi em 10.978,37 pontos e a máxima em 11.073,86 pontos. O Nasdaq fechou em queda de 1,51 ponto (0,07%), em 2.121,47 pontos, com mínima em 2.110,81 pontos e máxima em 2.137,43 pontos. O Standard & Poor's-500 recuou 1,10 ponto (0,09%), para 1.244,50 pontos. O NYSE Composite subiu 4,30 pontos (0,05%), para 7.924,62 pontos. O volume negociado na NYSE ficou em 1,415 bilhão de ações, de 1,471 bilhão ontem; 1.613 ações subiram, 1.656 caíram e 180 fecharam nos mesmos níveis de ontem. No Nasdaq, o volume ficou em 1,598 bilhão de ações negociadas, de 1,685 bilhão ontem, com 1.469 ações fechando em alta e 1.550 em queda. Na semana, o Dow acumulou um recuo de 0,23%, o Nasdaq, uma queda de 0,40% e o S&P-500, uma perda de 0,56%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.