Bolsa de NY fecha em alta, empurrada por balanços

O mercado norte-americano de ações fechou em alta, depois de os informes de resultados da Morgan Stanley e da FedEx alimentarem o otimismo dos investidores quanto ao vigor da economia dos EUA. "As notícias desta manhã confirmam a idéia de que a economia ainda está em bases sólidas. A economia não costuma estar agonizando se a FedEx diz que teve crescimento no volume de seus negócios", comentou John Caldwell, da McDonald Investments. Para ele, os informes de resultados fortes divulgados hoje mostram que os fundamentos do mercado ainda estão intactos, apesar das recentes preocupações com as taxas de juro. As ações da FedEx subiram 5,11%; as da Morgan Stanley avançaram 4,31% e foram acompanhadas por outras ações do setor financeiro, como Goldman Sachs (+3,15%), Bear Stearns (+2,50%) e JP Morgan (+1,78%). No setor de tecnologia, as ações da Hewlett-Packard subiram 2,68%, depois de a empresa anunciar que dará mais autonomia operacional a suas três principais unidades de negócios. As da Google avançaram 3,86%, depois de a Score Networks dizer que a empresa continua a melhorar sua participação no mercado de internet. Os ADRs (recibos negociados nos EUA) da holandesa Philips subiram 6%, depois de a empresa anunciar que pretende vender a participação majoritária em sua unidade de semicondutores até o fim do ano e abrir o capital dessa unidade. As ações da General Motors avançaram 2,14%, depois de a empresa dizer que suas vendas na China vão crescer mais de 20% neste ano. Nesta quinta-feira serão divulgados os informes de resultados de Del Monte Foods, Family Dollar Stores, Solectron, Tektronix e Oracle. O índice Dow Jones fechou em alta de 104,62 pontos (0,95%), em 11.079,46 pontos. A mínima foi em 10.971,72 pontos e a máxima em 11.131,73 pontos. O Nasdaq fechou em alta de 34,14 pontos (1,62%), em 2.141,20 pontos, com mínima em 2.107,06 pontos e máxima em 2.152,56 pontos. O Standard & Poor's-500 subiu 12,07 pontos (0,97%), para 1.252,19 pontos. O NYSE Composite avançou 93,14 pontos (1,18%), para 7.953,50 pontos. O volume negociado na NYSE alcançou 1,666 bilhão de ações, de 1,506 bilhão ontem; 2.469 ações subiram, 836 caíram e 148 fecharam nos mesmos níveis de ontem. No Nasdaq, o volume alcançou 1,859 bilhão de ações negociadas, de1,590 bilhão ontem, com 2.183 ações fechando em alta e 874 em queda.

Agencia Estado,

21 de junho de 2006 | 17h57

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.