Bolsa de NY fecha em queda com temor sobre Grécia

Dow Jones fechou em queda de 0,74%,  Nasdaq caiu 0,71% e o S&P-500 perdeu 0,77%

Renato Martins, da Agência Estado ,

20 de maio de 2011 | 18h08

O mercado norte-americano de ações fechou em queda, com os principais índices acumulando baixas pela terceira semana consecutiva. Os principais fatores para o recuo foram a preocupação com a dívida da Grécia e os informes de resultados da Gap e da Aeropostale, que levantaram dúvidas quanto aos gastos do consumidor dos EUA. Os volumes foram reduzidos, em dia sem nenhum indicador norte-americano.

"O volume reduzido certamente exacerbou as oscilações. Até termos mais convicção em termos de sentimento do investidor, será difícil ver o mercado mover-se significativamente para um lado ou para outro, fora da faixa na qual estamos presos há algum tempo", comentou Ted Harper, gerente de carteira e analista da Frost Investment Advisors.

As ações da rede de relacionamentos profissionais via internet LinkedIn, que haviam subido 109% ontem, em seu dia de estreia, chegaram a subir mais 14% na manhã de hoje, mas devolveram os ganhos e fecharam em queda de 1,23%. As ações da rede de lojas de vestuário Gap caíram 17,48%, em reação a seu informe de resultados; as da Aeropostale, do mesmo setor, recuaram 14,25%. No setor financeiro, as ações do Goldman Sachs caíram 3,1%, em reação ao informe de que procuradores federais deverão começar em breve a entregar intimações para que os executivos do banco expliquem as práticas da instituição no setor de hipotecas.

As ações da rede de livrarias Barnes & Noble subiram 29,91%, depois de anunciada uma oferta de aquisição de US$ 1,02 bilhão feita pela Liberty Media.

O índice Dow Jones fechou em queda de 93,28 pontos (-0,74%), em 12.512,04 pontos. O Nasdaq fechou em queda de 19,99 pontos (-0,71%), em 2.803,32 pontos. O S&P-500 fechou em queda de 10,33 pontos (-0,77%), em 1.333,27 pontos. O NYSE Composite fechou em queda de 70,42 pontos (0,84%), em 8.357,53 pontos. Na semana, o Dow Jones acumulou uma queda de 0,66%, o Nasdaq, uma baixa de 0,89% e o S&P-500, uma perda de 0,34%. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
bolsasDow JonesNasdaqGréciabalanços

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.