Bolsa de NY recua após indicadores fracos de empresas

As Bolsas dos Estados Unidos estão em queda, depois da divulgação de indicadores econômicos fracos nos EUA. As ações dos setores de tecnologia e biotecnologia que haviam subido muito no ano passado retomaram seu movimento de queda.

Agencia Estado

15 de abril de 2014 | 14h48

O índice de atividade industrial regional Empire State, do Fed de Nova York, caiu a 1,29 em abril, de 5,61 em março; a expectativa dos economistas para abril era de 8,0. O índice de preços ao consumidor dos EUA subiu 0,2% em março, em comparação com fevereiro, com alta de 1,5% em relação ao mesmo mês do ano passado; o núcleo do CPI, que exclui os preços de energia e alimentos, também subiu 0,2% em março. A expectativa era de 0,1% tanto para o índice como para o núcleo. O índice de confiança da associação das construtoras de casas (NAHB) subiu para 47 em abril, de 46 em março, quando os economistas previam que ele subisse para 50.

O mercado abriu em alta; o índice Dow Jones chegou a subir 100 pontos e o Nasdaq subiu 32 pontos, mas eles passaram a recuar depois da divulgação dos indicadores. Segundo Joe Peta, diretor da Novus Partners, disse que a incapacidade do mercado de sustentar os ganhos de ontem é preocupante, por sinalizar falta de convicção dos investidores. "Eu manteria a cautela. O momento é de reduzir a exposição ao crescimento. Os investidores mostrariam sabedoria ao reconhecer esses tremores do mercado e esperar que eles passem antes de aumentar sua exposição ao risco", afirmou Peta.

Frank Cappelleri, da corretora Instinet, disse que o volume reduzido de negócios está contribuindo para a volatilidade, como resultado da semana mais curta (os mercados não abrem na Sexta-Feira Santa).

As ações da Coca-Cola subiam 3,5% há pouco, em reação a seu informe de resultados; as da Johnson & Johnson, que também divulgou balanço, avançavam 1,5%; as da corretora Charles Schwab subiam 1,6%. Entre as ações de empresas que divulgam resultados depois do fechamento, os destaques são Intel (-0,2%) e Yahoo! (-1,4%). As ações da Tesla recuavam 6,1%, as da Amazon.com perdiam 2,6% e as da Facebook estavam em baixa de 4,6%.

Às 14h32 (de Brasília), o índice Dow Jones caía 52 pontos (0,32%), para 16.121 pontos; o Nasdaq caía 53 pontos (1,32%), para 3.969 pontos; o S&P-500 recuava 6 pontos (0,36%), para 1.824 pontos. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
bolss de valoresNYempresas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.