Bolsa de NY tem alta forte após dados de emprego

A Bolsa de Nova York fechou em alta forte nesta sexta-feira, 08, com o índice Dow Jones registrando novo nível recorde. O mercado reagiu aos dados do nível de emprego em outubro, que superaram a expectativa. A criação de 204 mil novos postos de trabalho surpreendeu os economistas, que temiam um efeito negativo do fechamento do governo por 16 dias no início de outubro.

Agencia Estado

08 de novembro de 2013 | 20h17

O índice Dow Jones fechou em alta de 167,80 pontos (1,08%), em 15.761,78 pontos. O Nasdaq fechou em alta de 61,90 pontos (1,60%), em 3.919,23 pontos. O S&P-500 fechou em alta de 23,46 pontos (1,34%), em 1.770,61 pontos.

Na semana, o Dow acumulou uma alta de 0,94%, o Nasdaq recuou 0,07% e o S&P-500 subiu 0,51%.

Os dados do "payroll" alimentaram a expectativa de que o Federal Reserve possa começar a reduzir seu programa de estímulo à economia na reunião de dezembro.

Das 30 componentes do Dow Jones, 27 ações fecharam em alta; as exceções foram McDonald''s (-0,20%), Home Depot (-.028%) e IBM (-0,01%). As ações dos bancos estavam entre as maiores altas, já que a demanda por crédito deve crescer se a recuperação da economia for mais vigorosa (JPMorgan Chase +4,47%, Goldman Sachs +2,21%). As ações da Disney, que havia divulgado resultados na quinta-feira, 07, depois do fechamento, subiram 2,13%. As ações do Twitter caíram 7,24%, em seu segundo dia de negociação.

Tudo o que sabemos sobre:
Bolsas de valores

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.