Bolsa de NY volta a cair com incerteza sobre economia

Í(ndice Dow Jones fechou em queda de 0,20%, Nasdaq caiu 0,46% e o S&P-500 cedeu 0,08%

Renato Martins, da Agência Estado ,

24 de maio de 2011 | 18h11

O mercado norte-americano de ações fechou em queda pelo terceiro dia consecutivo. O índice Dow Jones fechou no nível mais baixo desde 19 de abril. Além de mostrar preocupação persistente com a dívida de alguns países europeus, o mercado reagiu a indicadores: o índice de atividade industrial do Fed de Richmond, que registrou contração pela primeira vez, depois de sete meses de expansão, e os dados de vendas de imóveis residenciais em abril (+7,3%, mas com queda de 23,1% em relação a abril do ano passado).

Na Europa, a Moody's advertiu que uma reestruturação da dívida da Grécia teria impacto negativo nos ratings de crédito de outros países europeus e provavelmente levaria a um rebaixamento dos ratings dos bancos gregos.

"Estamos presos num período em que muitos dos indicadores econômicos têm saúdo um pouco mais fracos, e as preocupações com outros países cresceram. A não ser que apareça alguma coisa que reative o entusiasmo do investidor, o foco cai continuar na moderação do risco. Os investidores não estão necessariamente jogando a toalha, mas estão recuando de posições agressivas e se tornando mais neutros", disse o estrategista Bruce McCain, do Key Private Bank.

"Temos memória curta. Não há dúvida de que as pessoas estão voltando a ficar nervosas. Não estamos vendo dinheiro novo entrar no mercado", comentou Chip Cobb, vice-presidente sênior da Bryn Mawr Asset Management.

Entre as componentes do índice Dow Jones, os destaques negativos foram General Electric (-1,50%), American Express (-1,10%) e Intel (-1,14%). As ações do setor de petróleo subiram, em reação à recuperação dos preços do produto (ExxonMobil +0,77%, Chevron +0,89%).

O índice Dow Jones fechou em queda de 25,05 pontos (-0,20%), em 12.356,21 pontos. O Nasdaq fechou em queda de 12,74 pontos (-0,46%), em 2.746,16 pontos. O S&P-500 fechou em baixa de 1,09 ponto (-0,08%), em 1.316,28 pontos. O NYSE Composite fechou em alta de 15,91 pontos (0,19%), em 8.252,46 pontos. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
bolsasDow JonesNasdaqFed

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.