Bolsa de NY volta a fechar em queda

O mercado norte-americano retomou seu movimento de queda, com o índice Dow Jones caindo pela quinta vez nos últimos seis pregões e fechando no nível mais baixo desde 9 de fevereiro. O Nasdaq fechou em queda pela sexta vez consecutiva e fechou no nível mais baixo dos últimos sete meses. O Standard & Poor's-500 caiu pela quarta vez nos últimos cinco pregões. A queda de hoje "certamente foi decepcionante, tendo em vista que outros mercados internacionais se recuperaram. Os investidores continuam a se debater com o que fazer e com as incertezas quanto às perspectivas do mercado. Também existe a preocupação quanto ao índice de preços ao consumidor, que sai na próxima semana", comentou o analista Peter Wall, da JP Morgan Private Client Services. As ações da Texas Instruments caíram 3,4%, apesar de a empresa ter elevado suas projeções de vendas e de lucro para o segundo trimestre. As da National Semiconductor, porém, subiram 2,4%, em reação a comentários favoráveis de analistas. As da General Motors subiram 2,09%. Entre as ações de empresas que divulgam resultados na próxima semana, as da Goldman Sachs subiram 0,09%, as da Lehman Brothers recuaram 0,14% e as da Bear Stearns avançaram 0,33%. O índice Dow Jones fechou em queda de 46,90 pontos (0,43%), em 10.891,92 pontos. A mínima foi em 10.871,99 pontos e a máxima em 10.973,40 pontos. O Nasdaq fechou em queda de 10,26 pontos (0,48%), em 2.135,06 pontos, com mínima em 2.133,47 pontos e máxima em 2.163,21 pontos. O Standard & Poor's-500 caiu 5,63 pontos (0,45%), para 1.252,30 pontos. O NYSE Composite recuou 27,17 pontos (0,34%), para 7.965,32 pontos. O volume negociado na NYSE ficou em 1,603 bilhão de ações negociadas, de 2,555 bilhões ontem; 1.501 ações subiram, 1.777 caíram e 148 fecharam nos mesmos níveis de ontem. No Nasdaq, o volume ficou em 1,778 bilhão de ações negociadas, de 2,963 bilhões ontem, com 1.232 ações fechando em alta e 1.776 em queda. Na semana, o Dow acumulou uma queda de 3,16%, o Nasdaq, uma baixa de 3,80% e o S&P-500, uma perda de 2,79%.

Agencia Estado,

09 de junho de 2006 | 18h27

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.