Bolsa de Tóquio fecha em alta com dólar resistente

As ações na Bolsa de Tóquio fecharam em alta nesta segunda-feira, influenciadas por leves ganhos no dólar. O índice Nikkei avançou 0,8%, para 13.758,13 pontos, após a queda de 0,7% na sexta-feira.

AE, Agencia Estado

19 de agosto de 2013 | 04h49

O volume de participação foi baixo, atingindo novas mínimas em 2013. O volume total de negociações chegou a 1,44 bilhões de ações sob o valor de apenas 1,25 trilhão de ienes - cerca de um terço da média em maio, quando as ações atingiram os níveis mais altos em vários anos.

As ações foram negociadas com um leve viés de alta desde o início do pregão, ajudadas por um dólar mais resistente. A moeda norte-americana ficou acima de 97 ienes e operava em torno de 97,63 ienes por volta do horário de fechamento do mercado japonês.

O mercado ignorou tanto a fraqueza em Wall Street na sexta-feira quanto dados de comércio publicados minutos antes da abertura. Segundo informações do governo, o déficit comercial do Japão atingiu 1,02 trilhão de ienes em julho. A leitura ficou acima do déficit de 182,3 bilhões de ienes no mês anterior e do déficit de 776,4 bilhões de ienes previsto por economistas.

O SoftBank e a Fast Retailing fecharam em alta de 2,4% e 0,6%, respectivamente. Exportadores tiveram desempenhos divergentes, com a Kyocera ganhando 1,6% e a Suzuki Motor perdendo 1,0%. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
japãobolsa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.