Bolsa de Tóquio fecha em queda seguindo recuo do dólar

A bolsa de Tóquio fechou em queda nesta terça-feira, em meio ao recuo da moeda norte-americana e dos mercados nos Estados Unidos e na Europa. O índice Nikkei desvalorizou 0,84%, para 16.173,52 pontos.

Estadão Conteúdo

30 de setembro de 2014 | 06h53

No horário de fechamento da bolsa, o dólar recuava para 109,34 ienes, de 109,63 ienes registrados no dia anterior. A queda da moeda afeta os exportadores japoneses, que perdem competitividade no preço de seus produtos.

Antes da abertura do pregão, foram divulgados os dados da produção industrial e dos gastos das famílias, que indicaram a permanência da demanda fraca no país desde o aumento de impostos sobre consumo em abril.

"Os resultados não são animadores e lançam dúvidas sobre a recuperação econômica do país" disse o estrategista de investimentos da Mitsubishi UFJ Morgan Stanley Securities Norihiro Fujito. Para ele, no entanto, "o efeito nas ações não foi tão significativo, já que o mercado está focado no plano do governo para os fundos de pensão estatais".

Entre os resultados corporativos, o destaque de queda ficou com a Sumitomo, que anunciou um prejuízo de US$ 2,47 bilhões ontem, além da paralisação das atividades da mina de carvão de Isaac Plains, na Austrália, operada em joint venture com a mineradora brasileira Vale. As ações da Sumitomo recuaram 12% nesta terça-feira. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
JapãoÁsia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.