Bolsa de Tóquio perde 1% com temores sobre China

Dados sobre a economia dos EUA, como o PIB do 2º trimestre, não deram suporte ao mercado

Ricardo Criez, da Agência Estado,

30 de agosto de 2012 | 05h38

A Bolsa de Tóquio fechou em baixa nesta quinta-feira, com forte peso de ações cíclicas como Komatsu e JFE Holdings. A fraqueza das bolsas asiáticas alimentou o crescimento das preocupações globais, especialmente na China.

O Nikkei caiu 86,03 pontos, ou 1%, e terminou aos 8.983,78 pontos, após alta de 0,4% na sessão de quarta-feira - o índice ficou abaixo do nível psicológico dos 9 mil pontos pela primeira vez desde 15 de agosto.

Fortes leituras sobre a economia dos EUA, como o PIB do segundo trimestre, falharam em dar suporte ao mercado. "Embora os dados econômicos norte-americanos não tenham sido ruins, os resultados vieram amplamente em linha com as expectativas do mercado", disse Kenichi Hirano, analista de mercado da Tachibana Securities. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
bolsasTóquio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.