Bolsa diminui queda mas continua no terreno negativo

Ações mais líquidas do mercado e siderúrgicas puxam as baixas do Ibovespa

Economia & Negócios,

30 de abril de 2010 | 14h41

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) recua nesta sexta-feira à espera do pacote de ajuda à Grécia, esperado para este fim-de-semana. A divulgação de indicadores econômicos positivos nos Estados Unidos contribui para limitar a baixa do mercado. Blue chips e siderúrgicas puxam as baixas do Ibovespa.

Às 14h45, o principal índice da Bolsa paulista registrava desvalorização de 0,38%, aos 67.720 pontos, após ter alcançado a mínima de 67.242 pontos. No mesmo horário, o Dow Jones recuava 0,59% e S&P 500 registrava queda de 0,77%.

Petrobrás PN tinha baixa de 0,51% e ON cedia 0,43%, na direção oposta do petróleo na Nymex, que registrava valorização e era negociado acima de US$ 85,00 o barril.

As ações da PNA da Vale registravam perdas de 1,50%, enquanto as ON tinham desvalorização de 1,78%. A mineradora informou hoje que pagará US$ 2,5 bilhões por um projeto na área de minério de ferro na Guiné. Do montante total, US$ 500 milhões serão pagos à vista e o restante em etapas sujeitas ao cumprimento de metas específicas.

As siderúrgicas acompanhavam o movimento de queda com Gerdau (-1,06%), CSN (-0,98%) e Usiminas (-2,02%), sendo esta última na lista de maiores quedas do Ibovespa.

(Com Beth Moreira, da Agência Estado)

Tudo o que sabemos sobre:
bolsaaçõesPetrobrásVale

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.