Bolsas asiáticas fecham em alta

A Bolsa de Hong Kong fechou com o índice Hang Seng em alta de 65,80 pontos, ou 0,43%, aos 15.530,57 pontos, recuperando-se das fortes vendas do pregão anterior. "O mercado está sem direção", disse o analista Francis Kwok. "O índice está pronto para uma consolidação ou até mesmo para uma pequena correção depois do rali recente." O Hang Seng subiu 5% do início de janeiro até o fechamento de sexta-feira, mas ontem caiu 1,3%. Os operadores esperam pistas sobre o rumo da taxa de juro norte-americana após a reunião do Fomc na próxima semana. As ações da fabricante de computadores chinesa Lenovo caíram 4,1%, em meio a preocupações com o balanço do grupo. A Bolsa da Coréia do Sul fechou com o índice Kospi em alta de 29,40 pontos, ou 2,27%, aos 1.326,83 pontos, em meio aos balanços positivos e às valorizações em Wall Street e do Nikkei. LG Electronics subiu 3,7% depois de informar que seu lucro líquido saltou 91% no quarto trimestre do ano passado em comparação com igual período de 2004. A Bolsa de Taiwan fechou com o índice Weighted em alta de 69,97 pontos, ou 1,10%, aos 6,451,94 pontos. O setor de tecnologia registrou os maiores ganhos. Na China, o índice Shangai Composto fechou em baixa de 0,3% e o Shenzen Composto subiu 0,1%. A realização de lucros compensou a composição de carteira por parte de instituições. Em Jacarta, o índice JSX Composto fechou em alta de 7,09 pontos, ou 0,59%, aos 1.207,22 pontos. Em Kuala Lumpur, na Malásia, o índice Composto subiu 4,47 pontos, ou 0,50%, para 906,98 pontos. Em Manila, nas Filipinas, o índice PSE subiu 3,86 pontos, ou 0,18%, para 2.103,37 pontos. Em Cingapura, o índice Straits Times fechou em alta de 3,35 pontos, ou 0,14%, aos 2.368,32 pontos.

Agencia Estado,

24 de janeiro de 2006 | 10h11

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.