Bolsas asiáticas fecham em queda com dados da China

Números sobre crescimento chinês elevam preocupação quanto a perda de força da maior economia asiática

15 de abril de 2013 | 07h05

Os mercados de ações asiáticos fecharam em queda nesta segunda-feira, uma vez que os dados sobre o crescimento econômico da China aumentaram a preocupação de que a maior economia da Ásia pode estar perdendo força.

"O crescimento da China veio pior do que o esperado, e isso é mais um fator de preocupação sobre o cenário global de crescimento", disse Matthew Sherwood, chefe de pesquisa de mercado de investimento da Perpetual, em Sydney.

Os dados de crescimento da China ficaram abaixo das expectativas, registrando um crescimento de 7,7% no primeiro trimestre ante o mesmo período do ano anterior, em comparação com as expectativas do mercado de uma expansão de 8%.

Em Hong Kong, o índice Hang Seng caiu 1,4%, para 21.772,67 pontos. Na China continental, o índice Xangai Composto perdeu 1,1%, terminando o pregão com 2.181,94 pontos, e o índice Shenzhen Composto cedeu 1,3%, aos 900,46.

Além dos dados sobre o PIB, outros números chineses decepcionaram. A produção industrial avançou de 8,9% em março ante o mesmo mês do ano anterior, aquém do previsto de 10%. Já os investimentos em ativos fixos não rurais avançaram 20,9% nos três primeiros meses do ano, a previsão era uma alta de 21,3%.

Os dados da China também levaram o mercado de ações de Sydney, na Austrália, e de Taipé, em Taiwan, ao terreno negativo. O índice S&P/ASX 200 caiu 0,9%, para 4.967,90 pontos, e o índice Taiwan Weighted perdeu 0,7%, terminando o pregão com 7.763,53 pontos.

Em Seul, na Coreia do Sul, o índice Kospi recuperou parte das perdas do início da sessão, mas terminou em queda de 0,2%, aos 1.920,45 pontos. Segundo analistas, os investidores já podem estar pensando nos resultados corporativos do primeiro trimestre, que devem ser divulgados ainda neste mês. No entanto, há especulação sobre fracos números das empresas. Na sessão desta segunda-feira, montadoras, construtoras, companhias aéreas e empresas do setor financeiro apresentaram os piores desempenhos.

As ações nas Filipinas recuaram com a realização de lucros dos investidores após o fechamento recorde na sexta-feira e os fracos dados econômicos do exterior. O índice PSEi fechou em queda de 0,8%, aos 6.837,77 pontos. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
ÁSIABOLSAS

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.