Bolsas asiáticas registram ganhos no fechamento

Ganhos em Wall Street ajudaram mercados da Ásia, em especial a bolsa da China

15 de maio de 2013 | 07h09

Os mercados de ações da Ásia fecharam majoritariamente em alta nesta quarta-feira. A China subiu com uma recuperação técnica desencadeada por ganhos em Wall Street. Por outro lado, a Bolsa de Sydney terminou em terreno negativo, depois de atingir o maior nível em cinco anos durante a sessão.

O índice S&P/ASX 200, da Austrália, fechou em baixa de 0,6%, aos 5.191,70 pontos, depois de atingir uma máxima de cinco anos durante a sessão, tendo em vista que as ações de mineradoras recuaram devido aos preços mais fracos de commodities. A Rio Tinto perdeu 3,1% e a BHP Billiton cedeu 1,9%.

O Commonwealth Bank of Australia, por outro lado, subiu 0,8% depois de anunciar que seu lucro líquido dos três meses até 31 de março avançou para 1,9 bilhão de dólares australianos, em comparação com os 1,7 bilhão de dólares australianos no mesmo período do ano anterior.

Já na China, as ações subiram com uma recuperação técnica desencadeada pelos ganhos em Wall Street na terça-feira, no entanto o entusiasmo foi limitado por sinais de que o governo não tomará medidas para estimular o crescimento econômico do país.

O índice Xangai Composto subiu 0,4%, para 2.224,80 pontos, após acumular uma queda de 1,3% nas duas sessões anteriores. O índice Shenzhen Composto ganhou 1,5% e terminou o pregão com 975,65 pontos.

Analistas disseram que eles permanecem pessimistas sobre o mercado de ações nas próximas semanas, uma vez que o ritmo de expansão permanece fraco na ausência de um estímulo econômico de Pequim.

Também influenciada pelos ganhos em Wall Street, e por sinais de recuperação da economia norte-americana, o índice Taiwan Weighted terminou em alta de 0,8%, aos 8.318,59 pontos.

Em Hong Kong, o índice Hang Seng subiu pela primeira vez nesta semana, com uma alta de 0,5%, aos 23.044,24 pontos. A empresa Li & Fung saltou 8,4% em Hong Kong depois de informar que seu lucro operacional poderá voltar aos níveis de 2011.

O índice Kospi, por sua vez, terminou com ganho de 0,1%, aos 1.971,26 pontos, uma vez que o enfraquecimento do iene e a venda externa continuam a pesar sobre o sentimento dos investidores. Ações que recentemente haviam caído drasticamente se recuperaram na sessão. A Hyundai Mipo Dockyard subiu 6,1% e a AmorePacific Corp avançou 3,2%.

As ações nas Filipinas fecharam em uma nova máxima recorde, impulsionadas por uma série de fortes resultados corporativos. O índice PSEi subiu 1,1%, para 7.392,20 pontos, e acumula ganhos de 27% até agora neste ano. Segundo Edser Trinidad, chefe de pesquisa da SB Equities, as eleições relativamente pacíficas no médio prazo e a enorme quantidade de bons resultados reforçaram o sentimento dos investidores. "Alguns analistas já estão atualizando suas previsões de lucros após os fortes resultados do primeiro trimestre, especialmente para os bancos", acrescentou. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
ÁSIABOLSAS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.