Bolsas asiáticas se recuperam de perdas recentes e sobem

Ações de bancos ganharam atratividade e ajudaram mercados locais a encerrar com ganhos

28 de outubro de 2013 | 07h16

As bolsas asiáticas se recuperaram de parte das perdas recentes e encerraram o pregão no campo positivo, impulsionadas pelo bom momento das bolsas norte-americanas, onde o índice S&P 500 alcançou um novo recorde na sexta-feira.

Enquanto as bolsas chinesas mostraram poucas oscilações, na Austrália o índice S&P/ASX 200 manteve o bom momento e fechou com ganhos de 1%, aos 5.441,4 pontos. Durante as negociações o índice renovou a máxima de cinco anos aos 5.457,3 pontos. "O momentum continua muito forte", disse o operador institucional do Goldman Sachs Richard Coppleson. O índice subiu em 11 dos últimos 14 pregões.

Operadores de mercado disseram que as ações dos bancos estiveram particularmente atrativas antes do pagamento de dividendos no setor. "As pessoas estão perseguindo os grandes dividendos bancários", disse Shawn Hickman, consultor de investimentos da Shaw Stockbroking. O ANZ, cujas ações se valorizaram 1,78% hoje, dará início à temporada de resultados no setor bancário amanhã.

O índice Taiwan Weighted encerrou em alta de 0,7% e alcançou os 8.407,83 pontos. Para o vice-presidente do Yuanta Polaris International Securities Investment Trust, Simon Liu, a bolsa local tem espaço para se valorizar ainda mais, uma vez que há poucos riscos sistemáticos no horizonte. Na Coreia do Sul, o índice Kospi avançou 0,7%, para 2.048,14 pontos e o mesmo movimento positivo foi observado em Hong Kong, onde o índice Hang Seng encerrou o dia com alta de 0,5%, aos 22.806,58 pontos.

No entanto, o índice Xangai Composto continuou pressionado pelo movimento de realização de lucros e não aproveitou os ganhos regionais. O índice encerrou as negociações em ligeira alta de 0,04%, para 2.133,87 pontos, enquanto o Shenzhen Composto recuou 0,2% e caiu para 1.037,85 pontos.

"Essa leve correção vem em meio a incertezas do crescimento econômico no quarto trimestre, bem como em meio a realização de lucros por gestores de fundos, à medida que entramos no fim do ano", disse Zheng Ping, analista da Minsheng Securities.

Durante o fim de semana o Escritório Nacional de Estatísticas da China anunciou um aumento de 18,4% no lucro das empresas industriais em setembro, na comparação com o mesmo mês do ano passado. Em agosto, a alta havia sido de 24,2%.

Nas Filipinas, o índice PSEi também fechou em baixa e recuou 0,7%, aos 6.539,81 pontos. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Ásiabolsas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.