Bolsas caem em NY antes de fala de Bernanke

Os principais índices das Bolsas em Wall Street estão em queda, com os investidores cautelosos antes dos depoimentos do presidente do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA), Ben Bernanke, a comitês do Senado e da Câmara na quarta e na quinta-feira. Às 13h38 (de Brasília), o Dow Jones caía 11 pontos, ou 0,09%, o S&P-500 perdia 2 pontos, ou 0,18%, e o Nasdaq recuava 8 pontos, ou 0,34%. Um relatório indicando que a Sanofi-Aventis teria encerrado as negociações de fusão com a Bristol-Myers Squibb e notícias de que a Bolsa Nasdaq vai abandonar sua oferta pela Bolsa de Londres afetaram o sentimento dos mercados. As ações da Bristol-Myers perdem 5% e as da Nasdaq cedem 3,6%. Além disso, os papéis do grupo hoteleiro Four Seasons caem 2,8%, após a companhia ter concordado em fechar o capital, numa transação avaliada em US$ 3,8 bilhões. Um grupo de empresas de mídia acusou o gigante da internet Google de se beneficiar da venda de filmes piratas. As ações do Google perdem 1%. As ações da Home Depot subiam 2,4%, depois de o grupo afirmar que estuda a separação ou a venda de suas operações de distribuição no atacado. Destaque para as ações da Apple, que sobem 0,6%, após a elevação da recomendação pelo Citigroup de "neutra" para "compra", afirmando que os lucros da companhia devem se beneficiar de diversos produtos e de preços mais baixos de componentes. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.