Bolsas de Nova York têm alta motivada por fusões

O mercado de ações norte-americano mantém-se em território positivo esta tarde, ajudado por uma série de acordos de fusões e aquisições, pela expectativa de que a temporada de balanços será positiva e pelo bom desempenho das outras bolsas mundiais. "O mercado também já está se sentindo mais confortável com a idéia de que o Fed (banco central dos Estados Unidos) deverá levar a taxa de juros para pelo menos 5%", disse o estrategista John Caldwell. Às 16h29, o Dow Jones subia 0,75% e o Nasdaq ganhava 0,16%. Depois de um certa volatilidade durante a manhã, os preços dos títulos do Tesouro norte-americano (Treasuries) firmaram-se em território negativo, mas de forma geral o mercado opera tranqüilo. Nem a queda para 55,2 do índice de atividade industrial do Instituto para Gestão de Oferta (ISM) em março, de 56,7 de fevereiro, mexeu com o mercado. O juro do papel de 10 anos subia para 4,8789%. Na New York Mercantile Exchange (Nymex), o contrato de petróleo bruto para maio fechou com pequena alta, de 0,17%, a US$ 66,74 o barril. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.