Bolsas de NY fecham em alta com dados dos EUA

As bolsas de Nova York fecharam novamente em alta nesta quinta-feira, após forte leitura dos setores de manufaturados e mercado de trabalho. O índice Dow Jones ganhou 78,02 pontos (0,5%), fechando a 15.548,54 pontos. O Nasdaq avançou 1,28 pontos (0,04%), encerrando a sessão a 3.611,28 pontos. O S&P 500 teve alta de 8,46 pontos (0,5%) e fechou a 1.689,37 pontos.

AE, Agencia Estado

18 de julho de 2013 | 18h05

Os ganhos do índice Dow Jones foram atribuídos aos fortes ganhos do UnitedHealth Group e International Business Machines. As ações do UnitedHealth subiram 6.5% após o resultado no trimestre ter vindo acima das estimativas. Até agora, no entanto, os resultados das empresas do segundo trimestre já divulgados têm sido reduzidos com as empresas lutando para vencer as previsões. Os relatório econômicos mostraram dois números fortes. O número de trabalhadores dos Estados Unidos que entraram pela primeira vez com pedido de auxílio-desemprego caiu 24 mil, para 334 mil, na semana até o dia 13, após ajustes sazonais, anunciou o Departamento de Trabalho dos EUA.

Já o índice de atividade industrial regional do Meio-Atlântico, medido pelo Federal Reserve (Fed) da Filadélfia, subiu para 19,8 em julho, de 12,5 em junho, ficando bem acima da previsão dos analistas ouvidos pela Dow Jones, que esperavam recuo para 7,7. Leituras acima de zero indicam expansão da atividade. As empresas financeiras forneceram os maiores ganhos. As ações do Morgan Stanley subiram 4,4% após os resultados terem vindo acima das expectativas do mercado. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Bolsas Nova Yorkíndice Dow Jones

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.