Bolsas de NY têm o melhor outubro em três anos

O mercado norte-americano de ações voltou a fechar com os principais índices em direções divergentes, o Dow Jones em leve queda e o Nasdaq em leve alta. O dia foi marcado por indicadores econômicos fracos, que fizeram crescer o temor de que a desaceleração da economia afete os lucros das empresas; os preços do petróleo operaram em queda a maior parte do dia, mas se recuperaram no final. Apesar dos recuos dos últimos três dias, o índice Dow Jones teve em outubro o melhor mês de 2006; o Dow Jones subiu em oito dos dez meses do ano. O Nasdaq, por sua vez, subiu em cinco meses de 2006 e caiu nos outros cinco. O Standard & Poor's-500 subiu em todos os meses deste ano, à exceção de maio, e avançou em nove dos últimos dez pregões. Tanto o Dow Jones como o Nasdaq e o S&P-500 tiveram neste mês o melhor outubro dos últimos três anos. Ações Entre as componentes do Dow Jones, as ações da Pfizer caíram 2,02%, depois de a empresa divulgar o resultado de testes de um novo medicamento anticolesterol (ele provoca maior aumento da pressão arterial do que havia aparecido em testes anteriores); as da Procter & Gamble recuaram 0,66%, depois de a empresa divulgar resultados. Também reagiram a informes de resultados as ações da atacadista de medicamentos Omnicare (-11%), as da Eastman Kodak (+2,74%), as da seguradora MetLife (-3,09%), as da fabricante de semicondutores Agere Systems (+4,3%), as da Qwest Communications (-4,2%) e as da cervejaria Molson Coors (+5%). As da fabricante de computadores dell subiram 4,1%, após elevação de recomendação pelo UBS. Índices O índice Dow Jones fechou em queda de 5,77 pontos, ou 0,05%, em 12.080,73 pontos. A mínima foi em 12.025,34 pontos e a máxima em 12.113,39 pontos. O Nasdaq encerrou com ganho de 2,94 pontos, ou 0,12%, em 2.366,71 pontos, com mínima em 2.355,95 pontos e máxima em 2.374,64 pontos. O Standard & Poor's-500 subiu 0,01 ponto, ou 0,0007%, para 1.377,94 pontos. O Nyse Composite, que reúne todas as ações negociadas na Bolsa de Valores de Nova York (Nyse), registrou acréscimo de 8,20 pontos, ou 0,09%, para 8.774,98 pontos. O volume negociado na Nyse alcançou 1,763 bilhão de ações, de 1,445 bilhão ontem; 1.701 ações subiram, 1.615 caíram e 177 fecharam nos mesmos níveis de ontem. No Nasdaq, o volume alcançou 1,952 bilhão de ações negociadas, de 1,767 bilhão ontem, com 1.446 ações fechando em alta e 1.604 em queda. No mês de outubro, o Dow Jones acumulou uma alta de 3,44%, o Nasdaq, uma alta de 4,79% e o S&P-500, um ganho de 3,15%. Desde o início de 2006, o Dow Jones acumula uma alta de 12,72%, o Nasdaq, uma alta de 7,32% e o S&P-500, uma alta de 10,39%. As informações são da Dow Jones.

Agencia Estado,

31 de outubro de 2006 | 19h37

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.