Bolsas de NY viram o sinal e operam em queda

Os mercados acionários reagiram negativamente à fala do presidente do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA) de Chicago, Michael Moskow, sobre a política econômica do BC americano. Moskow falou durante almoço da Câmara de Comércio do Condado de McLean, em Bloomington (Illinois). O índice Dow Jones, da Bolsa de Nova York, virou o sinal por volta das 14 horas e passou a cair 0,06%, logo após Moskow dizer que um aperto adicional na taxa básica de juros dos EUA pode ser necessário. Enquanto isso, o índice Nasdaq reduziu a alta para 0,17%. No Brasil, o Ibovespa, principal índice da Bolsa de Valores de São Paulo, acompanhou a piora no mercado nopva-iorquino e bateu em nova mínima, recuando 1,14%. Pouco depois, renovou a mínima, até cair 1,75%. Por volta das 15 horas, o Ibovespa reduzia a queda para 1,58%, aos 36.574 pontos. Em Nova York, o índice Dow Jones operava em queda de 0,27%, o Nasdaq cedia 0,23% e o S&P-500 recuava 0,15%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.