Bolsas diminuem ganhos após pausa nos juros dos EUA

As bolsas de valores de Nova York reagiram à nova pausa nas taxas de juros dos EUA, em 5,25% ao ano, divulgada às 15h15, diminuindo a alta. O índice Dow Jones, que antes do anúncio ganhava cerca de 0,60%, operava às 15h30 em alta de 0,41%. O Nasdaq, da Bolsa eletrônica, caiu para +0,99%, de valorização anterior de cerca de 1,15%. A Bolsa de Valores de São Paulo acompanhou a piora do mercado nova-iorquino e aprofundou sua queda. Antes do anúncio da pausa na taxa, o Ibovespa, principal índice da Bolsa paulista, recuava cerca de 0,80%. Às 15h32, perdia 1,16%. A manutenção da taxa em 5,25% ao ano veio ao encontro das expectativas do mercado. O comunicado do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA), contudo, voltou a alertar para os riscos de inflação. Além disso, um dos integrantes do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc), Jeffrey Lacker, votou a favor de elevação de 0,25 ponto porcentual na taxa, contra os dez votos favoráveis à manutenção da taxa.

Agencia Estado,

20 de setembro de 2006 | 15h35

Tudo o que sabemos sobre:
finanças

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.