Bolsas em Nova York encerram em leve alta

Dow Jones subiu 0,07%, Nasdaq avançou 0,78% e o S&P 500 ganhou 0,40%

Regina Cardeal, da Agência Estado ,

26 de maio de 2011 | 18h11

As ações fecharam em leve alta em Nova York, com a força de papéis dos setores de consumo e tecnologia se sobrepondo aos fracos dados econômicos divulgados hoje nos EUA. O índice Dow Jones subiu 8,1 pontos, ou 0,07%, para 12.402,76 pontos. O índice foi ajudado pela Microsoft, que subiu 1,98%, e a Hewlett-Packard, que avançou 1,5%. O índice Standard & Poor's 500 ganhou 5,22 pontos, ou 0,40%, e terminou em 1.325,69 pontos, liderado pelos setores de consumo, telecomunicações e tecnologia. O Nasdaq avançou 21,54 pontos, ou 0,78%, para 2.782,92 pontos.

Os três indicadores se recuperaram das perdas da manhã, provocadas pelos números econômicos decepcionantes nos EUA. O Dow Jones chegou a cair 76 pontos. A recuperação aconteceu com volume baixo de ações transacionadas.

"Não há convicção no mercado no momento", disse Don Wordell, gestor de carteira do RidgeWorth Mid-Cap Value Equity Fund. Ele acredita que o volume continuará baixo amanhã, antes do fim de semana prolongado pelo feriado do Memorial Day na segunda-feira.

O volume na sexta-feira antes do feriado é, em geral, 25% mais baixo do que a média das transações registradas nas duas semanas antes do Memorial Day, segundo dados do Credit Suisse.

No front econômico, os pedidos de auxílio-desemprego subiram para 424 mil na semana encerrada em 21 de maio, um resultado pior do que os economistas esperavam. Além disso, o Departamento do Comércio manteve inalterado em 1,8% o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) dos EUA no primeiro trimestre. Economistas ouvidos pela Dow Jones esperavam que o avanço do PIB fosse revisado para 2,2%. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
bolsasDow JonesNasdaqtecnologia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.