Bolsas europeias acompanha Ásia e operam em alta

A maioria das Bolsas europeias opera em alta modesta, acompanhando os ganhos dos mercados de ações da Ásia durante a noite (a Bolsa de Tóquio subiu 1,77% e a de Xangai avançou 2,03%). A exceção é Madri. Apenas dois indicadores importantes foram divulgados, a produção industrial da França e da Itália em dezembro.

Agencia Estado

10 de fevereiro de 2014 | 12h36

Na França, a produção industrial teve uma contração de 0,3% em dezembro, quando a expectativa era um recuo de 0,1%; na Itália, a produção industrial caiu 0,9% em dezembro, quando se esperava estabilidade. Os mercados europeus parecem não estar reagindo negativamente aos dados fracos de criação de empregos nos EUA em janeiro, divulgados na sexta-feira. "Os investidores parecem estar aceitando o fato de que a volatilidade de curto prazo nos indicadores não põe em dúvida a tendência de melhora gradual da economia dos EUA", disse o economista Ian Williams, da corretora Peel Hunt.

A alta da Bolsa de Paris é liderada pelas ações da gigante de cosméticos L''Oréal. Elas subiam 4,6% há pouco, em reação a informes de que a suíça Nestlé estuda reduzir sua participação de 29% na companhia; em Zurique, as ações da Nestlé subiam 0,2%. As da indústria farmacêutica Sanofi, na qual a L''Oréal tem uma participação de 9%, subiam %. Em Londres, as ações do Barclays subiam 1,3%, apesar da notícia de que o banco está sendo investigado por um vazamento de dados de milhares de clientes. A L''Oréal divulga resultados financeiros hoje depois do fechamento; o balanço do Barclays está previsto para amanhã.

Na Bolsa de Madri, a queda é atribuída ao desempenho fraco das ações dos bancos e do setor varejista.

Às 12h15 (de Brasília), o índice FT-100, da Bolsa de Londres, subia 11 pontos (0,18%), para 6.583 pontos; o Xetra-DAX, da Bolsa de Frankfurt, subia 7 pontos (0,08%), para 9.310 pontos; o CAC-40, da Bolsa de Paris, ganhava 18 pontos (0,43%), para 4.246 pontos; o FT-Mib, da Bolsa de Milão, estava em alta de 32 pontos (0,17%), em 19.725 pontos; o Ibex-35, da Bolsa de Madri, caía 80 pontos (0,80%), para 9.991 pontos; o PSI-20, da Bolsa de Lisboa, subia 1 ponto (0,02%), para 6.929 pontos. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
bolsas de valores

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.