Bolsas europeias disparam após acordo sobre crise na zona do euro

Por volta das 10h45 (pelo horário de Brasília), Frankfurt avançava 4,97%, Paris  5,45% e Londres 2,88%

Álvaro Campos, da Agência Estado,

27 de outubro de 2011 | 10h54

As bolsas europeias operam em forte alta na manhã de hoje, impulsionadas pelo acordo anunciado na madrugada pelos líderes europeus para conter a crise da dívida no continente. Por volta das 10h45 (horário de Brasília), a bolsa de Frankfurt avançava 4,97%, Paris ganhava 5,45% e Londres tinha alta de 2,88%.

Segundo o acordo fechado pelos líderes da zona do euro, a Grécia receberá um pacote de resgate de 100 bilhões de euros, e os credores privados de bônus gregos vão aceitar um corte de 50% no valor original desses títulos. Além disso, os governos da zona do euro vão oferecer 30 bilhões de euros para financiar garantias para o setor privado, como parte do acordo para a redução da dívida grega. Já o poder de fogo da Linha de Estabilidade Financeira Europeia (EFSF, na sigla em inglês) vai ser elevado em quatro ou cinco vezes, chegando a aproximadamente 1 trilhão de euros.

Segundo avaliação do banco Goldman Sachs, essas propostas ainda são vagas no momento, mas devem ser transformadas em um plano que oferecerá um caminho credível para conter e resolver a crise, elevando significativamente os preços atuais das ações de companhias europeias. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Europabolsasacordocrise

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.