Bolsas européias encerram em alta com cervejarias

As Bolsas européias terminaram em alta, com os ganhos das ações de mineração e as especulações sobre fusões no setor de bebidas contribuindo para o bom humor do mercado. O índice FTSE 100, da Bolsa de Londres, subiu 0,7%, para 6.313,80 pontos, o DAX Xetra 30, de Frankfurt avançou 1%, para 6.883,32 pontos, e o CAC-40, de Paris, terminou em alta de 1,1%, em 5.615,10 pontos. A abertura em alta de Nova York deu suporte aos índices europeus, com os investidores aparentemente querendo interromper a seqüência de três pregões de baixa em Wall Street depois que os dados do PIB norte-americano do quarto trimestre foram revisados em inesperada alta. Outro fator positivo foi a divulgação dos dados mostrando que o desemprego na Alemanha caiu ao menor nível em seis anos em março, enquanto a economia líder da Europa continua melhorando. As ações da cervejaria britânica Scottish & Newcastle deram um salto de 12,05% em Londres reagindo às especulações de que a holandesa Heineken poderá estar interessada em fazer uma oferta pela companhia. "Há rumores (de uma oferta) porque a Heineken também subiu", disse Martin Slaney, da GFT Global Markets. As ações da Heineken subiram 2,2% em Amsterdã. As informações são da agência Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.