Bolsas européias fecham de forma mista

As principais bolsas européias fecharam de forma mista nesta segunda-feira, ajudadas pela queda dos preços do petróleo, com exceção de Londres, onde ações sensíveis à cotação da commodity recuaram. O índice FT-100, da bolsa londrina, fechou em baixa de 24,60 pontos, ou 0,40%, aos 6.067,10 pontos. BP perdeu 1,4% e Royal Dutch Shell caiu 1,3%. As mineradoras, no entanto, deram algum suporte, com Kazakhmys fechando com ganho de 2,3%. Xstrata subiu 4,9%, depois que a canadense Teck Cominco afirmou que planeja comprar a Inco com a condição de que esta desista de adquirir a Falconbridge. Segundo analistas, esse acordo abre caminho para que a Xstrata compre a Falconbridge. Ainda em Londres, Vodafone Group caiu 1,6% depois de anunciar que vai reduzir em pelo menos 40% no ano que vem as tarifas que cobra de seus clientes para que façam chamadas em viagens pela Europa. Na Alemanha, onde a bolsa de Frankfurt fechou com o índice Dax em alta de 14,69 pontos, ou 0,24%, aos 6.127,98 pontos, as ações da Adidas-Salomon subiram 3,3%. O executivo-chefe do grupo, Herbert Hainer, disse a um jornal que as vendas relacionadas à Copa do Mundo excederam suas previsões no primeiro trimestre. A companhia divulga balanço amanhã. Em Paris, o índice CAC-40 cedeu 4,00 pontos, ou 0,08%, para 5.282,40 pontos, depois de ter superado a marca de 5,3 mil pontos ao longo do dia. As ações da EADS, controladora da Airbus, fecharam em alta de 3,3%, depois de terem sido elevadas pelo Merrill Lynch para "comprar". Lagardère, acionista da EADS, subiu 1,9%, enquanto Total, prejudicada pelo recuo dos preços do petróleo, caiu 1,2%. Em Madri, o índice Ibex-35 fechou em alta de 33,30 pontos, ou 0,28%, aos 12.067,70 pontos, o maior nível desde março de 2000. Banco Sabadell ganhou 3%, liderando os ganhos, beneficiado por comentários otimistas em conferência com investidores. Gas Natural, que divulga balanço amanhã, subiu 2,1% e Repsol, ainda prejudicada pela Bolívia, caiu 1,5%. A bolsa de Milão fechou com o índice S&P/Mib em alta de 153 pontos, ou 0,40%, aos 38.552 pontos. A bolsa de Lisboa fechou com o índice PSI-20 em alta de 35,22 pontos, ou 0,35%, aos 10.050,51 pontos. Portugal Telecom caiu 0,3%. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.