Bolsas européias fecham em alta com setor de tabaco

As Bolsas européias subiram forte hoje, animadas por notícias sobre fusões e aquisições no setor de tabaco. Também as mineradoras, como Antofagasta (+6,14%) e Anglo American (+5,9%), se destacaram na lista de alta. O índice DAX 30, da Bolsa de Frankfurt, fechou em alta de 2,1%, em 6.585,47 pontos, o CAC 40, de Paris, avançou 1,8%, para 5.389,85 pontos, e o FTSE 100, da Bolsa de Londres, ganhou 2,2%, terminando em 6.133,20 pontos. Entre as empresas que compõem os índices citados, o melhor desempenho foi o da britânica Imperial Tobacco, que disparou 8,6% após fazer uma oferta estimada em US$ 15 bilhões à concorrente franco-espanhola Altadis. As ações da Altadis subiram 17%. Outras empresas do setor de tabaco também subiram, como British American Tobacco (+2,8%) e a sueca Match (+6%). A Atos Origin, de TI, disparou 25,2% após a empresa confirmar que recebeu uma oferta, de 58 euros por ação segundo a agência Dow Jones, sem especificar o ofertante. O tamanho das transações deve continuar aumentando, com as fundos de private equity (que compram participações em empresas) se voltando para alvos cada vez maiores para aplicar os enormes volumes de caixa que estão levantando, disse um analista. Outra tendência recente tem sido o aumento nas iniciativas de reestruturação, com as empresas buscando novos meios de cortar custos e aumentar seu valor. A tendência se reforçou quando a Cadbury Schweppes anunciou planos de fazer uma cisão de suas unidades de bebidas e confeitaria nos EUA. As ações da Cadbury subiram 3%. As ações da Bayer subiram 3,3% depois que o grupo alemão químico e farmacêutico anunciou um aumento de 5,4% no lucro líquido para 1,68 bilhão de euros (US$ 2,21 bilhões). O grupo de produtos de consumo anglo-holandês Unilever subiu 5,2% em Amsterdã depois de ser elevado de underperform (desempenho abaixo da média do mercado) para neutro pelo Credit Suisse. Em Londres, as ações da seguradora Prudential subiram 5% após informar que seu lucro líquido avançou 16,8% para 874 milhões de libras (US$ 1,69 bilhão), superando as previsões do mercado. A empresa também anunciou planos de comprar a Equitable Life, que tem ativos de cerca de 1,8 bilhão de libras. Em Madrid, o IBEX-35 fechou em alta de 2,5% em 13.940,4 pontos. Além da alta da Altadis (+17%), o mercado foi impulsionado pelas ações de bancos. Santander registrou valorização 2,7% e BBVA ganhou 1,9%. Em Lisboa, o índice PSI-20 subiu 0,8% para 11.463,5 pontos. Sonaecom teve elevação 2,2% e Portugal Telecom terminou em alta de 0,8%. As informações são da agência Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.