Bolsas européias fecham em baixa com decisão do BCE

As principais Bolsas européias fecharam em queda, com os investidores preocupados com um possível aumento na taxa de juros da zona euro na próxima reunião do Banco Central Europeu (BCE), em março. O discurso do presidente do BCE, Jean-Claude Trichet, feito após o anúncio da decisão do BCE de não alterar as taxas de juros, que estão em 3,5% ao ano, foi interpretado pelo mercado como uma indicação de que o banco deverá aumentar a taxa de juros em março. O Banco da Inglaterra (BoE) também anunciou sua decisão de manter a taxa de juros inalterada. Destaque para a queda das ações de bancos, como o HSBC em Londres e o BNP Paribas em Paris. Londres Na Bolsa de Londres, o índice FT-100 fechou em queda de 23,1 pontos, ou 0,36%, em 6.346,4 pontos. As ações do HSBC caíram 1,5% em reação ao anúncio de ontem de que suas despesas para cobertura de empréstimos duvidosos em carteiras hipotecárias norte-americanas serão 20% maiores do que o esperado. As ações da Unilever perderam 2,4%, após a companhia registrar vendas estáveis no quarto trimestre em 9,73 bilhões (US$ 12,66 bilhões). As ações da Imperial Tobacco perderam 2,7% após o anúncio da compra da companhia de tabaco americana Commonwealth Brands (CBHC) por US$ 1,9 bilhão. Paris O índice CAC-40, da Bolsa de Paris, encerrou em baixa de 37,9 pontos, ou 0,66%, em 5.665,1 pontos. As montadoras continuaram a cair no pregão de hoje. As ações da Renault perderam 0,7% e as da Peugeot-Citroën caíram 3,7%. Outros destaques da queda foram as ações da Total(-1%), da STMicroelectronics (-1%) e do BNP Paribas(-0,8%). Frankfurt Na Bolsa de Frankfurt, o índice Xetra-DAX terminou o dia com desvalorização de 38,83 pontos, ou 0,56%, em 6.876,73 pontos. As ações da operadora de TV a cabo Premiere dispararam 19% após assinar um acordo com a concorrente Arena. O acordo prevê a compra de 16,7% de participação na Premiere e garante os direitos de transmitir o campeonato de futebol alemão. As ações da química Basf caíram 0,6% com os preços do petróleo voltando a ser negociados acima de US$ 58 por barril. Madri O índice Ibex-35, da Bolsa de Madri, fechou com perda de 28,6 pontos, ou 0,19%, em 14.826 pontos. As ações da fabricante de cigarros Altadis lideraram a queda, recuando 3,8% em reação à compra da Commonwealth Brands (CBHC) pela Imperial Tobacco. Segundo um operador, o negócio diminuiu as possibilidades de uma oferta da Imperial Tobacco pela companhia espanhola. Lisboa O índice PSI-20, da Bolsa de Lisboa, teve desempenho na contramão das outras bolsas européias e avançou 37,79 pontos, ou 0,32%, para 11.805,29 pontos. As ações da Portugal Telecom subiram 0,7% na expectativa da divulgação dos lucros do quarto trimestre, que foram apresentados após o fechamento. A companhia cresceu 32,5% em 2006, para 866,8 milhões de euros (US$ 1,12 bilhão). As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.