Bolsas européias fecham em direções divergentes

A abertura em baixa das Bolsas de Nova York, após o alerta de queda nos lucros da Texas Instruments, levou algumas bolsas européias a fecharem em baixa. O clima foi de expectativa, antes da conclusão da reunião do Federal Reserve (Fed, o banco central americano). Notícias específicas movimentaram algumas ações, como em Estocolmo, onde as ações da Atlas Copco subiram 2,66%, as da Volvo avançaram 1,11% e as do Svenska Handelsbanken caíram 4,48%, em reação a informes de resultados; em Oslo, as ações da Norsk Hydro, que também divulgou resultados, caíram 0,50%. Na Bolsa de Londres, o índice FT-100 fechou em alta de 16,4 pontos (0,27%), em 6.182,5 pontos. As ações da BP, do setor de petróleo, subiram 1,08%, em reação a seu informe de resultados; as da rival Shell subiram 0,62%, em reação à alta dos preços do petróleo. No setor de mineração, as ações da BHP Billiton caíram 0,59%, depois de a empresa anunciar que sua produção de cobre caiu 19% no terceiro trimestre, por causa da greve na mina Escondida, no Chile; as da Anglo American caíram 1,49%, depois de a empresa anunciar que Cynthia Carroll, presidente da divisão de metais primários da Alcan, vai ser a sucessora de Tony Trahar como executivo-chefe da empresa. O índice CAC-40, da Bolsa de Paris, fechou em queda de 7,27 pontos (0,13%), em 5.404,54 pontos. A queda foi atribuída à realização de lucros, depois de o índice ter fechado em nível recorde ontem. As ações da Alcatel subiram 7,19%, em reação a seu informe de resultados. As da STMicroelectronics, que divulga resultados hoje depois do fechamento, caíram 2,71%, em reação ao balanço da norte-americana Texas Instruments. No setor de viagens, as ações da Air France-KLM subiram 2,20%; as da Euro Disney avançaram 16,67%, recuperando as perdas de ontem. As ações da siderúrgica Mittal subiram 4,21%. As ações da Michelin, que divulgaria resultados depois do fechamento, caíram 1,52%. A Renault divulga resultados na quarta-feira. Na Bolsa de Frankfurt, o índice Xetra-DAX fechou em alta de 4,61 pontos (0,07%), em 6.247,52 pontos. Não havia muitas notícias que movessem o mercado hoje; os investidores estão na expectativa da conclusão da reunião do Fed", disse um operador. A Bolsa de Milão fechou com o índice S&P-Mib em queda de 83 pontos (0,21%), em 39.298 pontos. As ações da Telecom Italia recuaram 1,12%, antes da reunião de sua diretoria marcada para amanhã. As da Fiat caíram 1,55%, devido à realização de lucros. Na Bolsa de Madri, o índice Ibex-35 fechou em queda de 40,90 pontos (0,30%), em 13,579,80 pontos. Um operador disse que o movimento de consolidação deverá continuar por alguns dias, antes de o mercado voltar a subir. O índice PSI-20, da Bolsa de Lisboa, fechou em queda de 32,43 pontos (0,31%), em 10.471,12 pontos. Operadores disseram que o mercado mostrou cautela antes da conclusão da reunião do Fed. Em seu dia de estréia, as ações da Galpenergia fecharam a ? 6,03, acima do preço da oferta inicial, de ? 5,81, com 33 milhões de ações negociadas; elas passarão a compor o PSI-20 em 30 de outubro. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.