Bolsas européias operam perto da estabilidade

As principais bolsas européias operam perto da estabilidade nesta manhã. As ações da fabricante de equipamentos para chips ASML Holdings subiam 4,9%, depois de o grupo anunciar que obteve lucro de 205,5 milhões de euros no quarto trimestre do ano passado, quatro vezes superior ao de igual intervalo de 2005. A receita cresceu 95% na comparação entre os períodos. As demais fabricantes de chips, no entanto, operavam de forma mista, depois de a norte-americana Intel ter anunciado ontem uma previsão de margem fraca para o primeiro trimestre e todo o ano. Infineon subia 0,6%, mas STMicroelectronics perdia 0,9%. Ericsson ganhava 1,7%, com o anúncio de que a Sony Ericsson, sua joint venture com a japonesa Sony, obteve lucro de 447 milhões de euros no quarto trimestre, acima dos 144 milhões de euros de igual período de 2005. Ações de companhias do setor aéreo, como a British Airways, e do setor químico, como a Basf, avançavam depois da forte queda do preço do petróleo ontem. As ações da cervejaria SABMiller ganhavam 3,5%, depois de o grupo afirmar que seu desempenho financeiro ficou dentro das expectativas, apesar da fraca recuperação dos preços e da tendência de aumento de custos de matérias-primas. EADS caía 2,5%, com a informação de que sua controlada Airbus deverá registrar prejuízo antes de juros e impostos em 2006 por causa dos atrasos com o programa A380. Às 10 horas, o índice FT-100, da Bolsa de Londres, recuava 0,11%, enquanto o índice Dax, da Bolsa de Frankfurt, subia 0,13% e o índice CAC, da Bolsa de Paris, avançava 0,01%. As informações são da agência Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.