Bolsas européias sobem com ajuda da BHP

As principais bolsas européias operam em alta esta manhã. Os mercados de ações recebem impulso dos lucros das empresas anunciados nos balanços do trimestre, da notícia de recompra de ações da mineradora BHP Billiton e do informe da montadora francesa PSA Peugeot Citroën. Apesar disso, as transações ainda são contidas por conta da expectativa dos dados de produtividade de mão-de-obra no quarto trimestre dos EUA, que será divulgado às 11h30 (de Brasília). As ações da BHP Billiton subiam 4,7% em Londres, depois de uma alta de 5,9% na Bolsa de Sydney, em reação ao anúncio de um programa de recompra de ações de US$ 10 bilhões, que surpreendeu os investidores. A BHP também reportou um aumento de 41% em seu lucro líquido, para US$ 6,2 bilhões, no segundo semestre do ano passado, de um lucro de US$ 4,36 bilhões registrado em igual período do ano passado, refletindo o forte resultado de produção da maioria das commodities metálicas. Em Paris, as ações da Peugeot subiam mais de 3,5%, depois da montadora ter reportado que sua margem operacional caiu para 2% em 2006, de 3,4% no ano anterior, resultado que ficou acima das estimativas do Citigroup, que previa uma margem de 1,9%. Contudo, a Peugeot Citroën também reportou um declínio de 83% no lucro anual para ? 176 milhões (cerca de US$ 228 milhões), refletindo o aumento dos custos de matérias-primas e declínio nas vendas na Europa Ocidental. Em Frankfurt, as ações da BMW recuavam 1,7% em reação a intenção declarada da acionista Allianz de vender aproximadamente 16,1 milhões de ações da montadora. Às 8h30, o índice FT-100 da Bolsa de Londres subia 0,09%; o índice CAC-40, da Bolsa de Paris, avançava 0,24%; e o índice Xetra Dax, da Bolsa de Frankfurt, registrava uma alta de 0,32%. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.