Bolsas européias sobem, com destaque para petrolíferas

As principais bolsas européias sobem nesta manhã, depois de os mercados asiáticos terem fechado em alta. Ações do setor petrolífero são destaque, com o preço do barril de petróleo recuperando o nível de US$ 53 o barril na plataforma eletrônica de negociações ICE, de Londres. BP e Total subiam cerca de 1% cada uma, enquanto Statoil avançava 2,4% e Norsk Hydro, 1,8%. Companhias do setor de papel e celulose, que vinham registrando desempenho abaixo da média do mercado desde o início do ano, por causa de condições climáticas desfavoráveis, também avançam nesta manhã (Stora Enso, 2,2%). Na França, Alstom recuava 2,4%, depois de ter a recomendação para suas ações reduzida de "comprar" para "acrescentar" pelo Dresdner Kleinwort. Em Londres, a mineradora Vedanta, que anunciou aumento de 174% do Ebitda no quarto trimestre deste ano em comparação com igual período do ano passado, para US$ 724,3 milhões, ganhava 3,3%. Outras empresas do setor também subiam, como Anglo American (0,6%), BHP Billiton (0,6%) e Xstrata (0,7%). Mas o principal destaque do mercado de ações britânico era o ganho de 14% das ações da companhia de engenharia Smiths Group. A empresa confirmou hoje que fechou um acordo para vender sua divisão aeroespacial para o conglomerado norte-americano GE por US$ 4,8 bilhões. Às 8h55 (de Brasília), o índice FT-100, da Bolsa de Londres, subia 0,40%. Em Frankfurt, o índice Dax subia 0,34% e em Paris o índice CAC-40 avançava 0,19%. As informações são de agências internacionais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.